quinta-feira, 6 de agosto de 2009

PEQUENO POEMA PARA QUANDO ADORMECER...


Ao adormecer,
Abrace forte o travesseiro
E pense em mim!!!

Eu...
Tão longe de ti,
Farei o mesmo...

E ficaremos assim...

10 comentários:

Fatima disse...

Gilbertomeuzinho,
eu posso fazer tb?
Se alguém perguntar:Queissodiverá?
Eu posso explicar que foi vc quem pediu? Rsrsrsrrsrsr
Desculpa,
não resisti e fiz uma brincadeirinha.
Bjs meu querido.

Lucretia disse...

Adorei esse pequeno poema!
Tomei a liberdade de oferecê-lo a uma pessoa muito especial para mim.
Mas pode deixar que dei os devidos creditos.

Cris disse...

poucas palavras que falam tudo...lindíssimo!

G I L B E R T O disse...

Fatiminha, tens total liberdade para fazeres quaisquer brincadeiras.. nossa amizade é mágica e a magia e o encanto dela abre todas as portas, minha querida amiga!

Lucretia, fico honrado e feliz com sua visita e por acreditares que algo que escrevi serve para ilustrar um pensamento, um sentimento seu... Voce é Maravilhosa e muito generosa. GRato, minha querida e mais nova e doce amiga!

Cris, sempre Cris!
GRato pelo carinho teu, sempre presente.

Post scriptun

Fiz uma pequena modificação no inicio da poesia que, na verdade, sempre foi assim mesmo... quando fui postar achei que ficaria melhor do jeito anterior mas, enganei-me... peço perdão a voces, minhas queridas!

Jaquelyne A. Costa disse...

Gilberto!!!


Sou sua fã também, querido!!

Ai que lindo poema!

Bem mais qe meu travesseiro gotaria de ter um amor de verdade!!!
Adoro abraçar, idepedente de ser namorado ou não!
Abraçar é muito bom, passa energi!!!

Adorei aqui!

Já sou seguidora!!

Um grande beijo,
com carinho
Jaque!

Lucretia disse...

Obrigada pelos comentário no meu blog.
Adoro a mitológia tb, principalmente pq sou uma estudiosa da língua latina.
Gosto pela mitológia tb é pelo fato da minha pessoa especial ser um estudioso da língua grega.
Combinamos, né?

Pode deixar, estamos tomando cuidado com a Hera, apesar de estar morrendo de medo dela.

Bjos

KathY CatherYne disse...

Tão simples, tão verdadeiro! Ao adormecer, fico sempre abraçada ao meu "companheiro travesseiro" e fico sempre a imaginar como será aquele que eu ainda não encontrei... Talvez seja esse o meu erro, sonhar demais! Mas sou uma sonhadora e romântica incurável, o que faço??? ...

BjoxXD...

Cáh. disse...

Olá! Eu estava procurando por algo e encontrei seu blog, é muito bonito... muito bonito mesmo!






Felicidades!

Mahria disse...

Nossa quantas vezes ja fiz isso, abracei o travisseiro e o imaginei fazendo o mesmo...

Lindo!

Bjinhos!

Regina disse...

Que singelo isso!

Quando se está longe, a solução é namorar em pensamento!

Beijo!