terça-feira, 22 de setembro de 2009

AH! SE EU PUDESSE TE BEIJAR...



Ah! Se eu pudesse te beijar.
Se eu pudesse te beijar.
O faria devagar... Devagar...
Sem pressa ou atropelos,
Começando pelo canto dos lábios,
Tocando suave a ponta de seu queixo
Até envolver por completo
Seus belos lábios
Com a paixão de minha boca.

Sim! Pois meus beijos
Seriam apaixonados,
Carregados de amor e volúpia.
Não deixaria o tempo determinar
Inicio ou fim,
Nosso desejo como regra maior.

Meu beijo te diria o quanto te amo,
Num simples tocar de bocas.
Meu anjo! Se eu pudesse te beijar.
Se eu pudesse te beijar...
Verias o quanto te amo realmente,
E o faria devagar... Devagar...
Pois a eternidade seria nossa amante!

6 comentários:

Cris França disse...

Hummmm....rs
Poema e fotos tentadores meu amigo!
Deu até vontade de beijar.
Bj grande!

lindinha disse...

Meu querido amigo...
Seu blog, é uma refresco pra minha alma!Parabens,amo o que escreves, e amo quem escreve, pois não existe pessoa assim como tu, a quem conheço a muitos anos!Abraços...

Fatima disse...

Hummmmmmmmmmmmm!
A Cris tem toda a razão.
Bjs.

Joana Francesa disse...

..Mas é claro que podes... rsrs
como não desejar esses beijos?? só vc mesmo para dar sabor as palavras e acender os mais incontidos desejos da alma...
beijos poeticos meu amigo.

Gorete . SoLua disse...

Olá Gilberto,

hummmmm me senti guria e mulher...rs!!! Envolvente!
"Pois a eternia seria nossa amante!"

Doces beijos!

Regina disse...

Beijar devagar... sentindo o verdadeiro amor brotar...

É tudo o que se quer!

Beijos!