sábado, 13 de março de 2010

SEDUZIONE, em três pequenos tempos

- Alo... Alo... Quem é?
Silêncio do outro lado da linha.
- Quem está aí?
Silêncio.
- É voce não é... Diga-me que é voce...
Silêncio, com vontade de falar, mas, silêncio.
- Eu vou desligar se não responderes... Respondes... Respondes...
Silêncio.
- Tu tu tu tu tu tu tu tu tu....
Do outro lado, ele sorriu ao se deparar com uma felicidade diferente e estranha. Uma felicidade que o fazia sorrir e, ao mesmo tempo, fazia uma lágrima correr pela sua face. Era a primeira vez que ouvia a voz dela....



Nestes últimos tempos não sabia o que mais lhe amedrontava.
Se a esterilidade instalada em sua capacidade de escrever.
Se o seu desestímulo por tudo e por todos.
A verdade é que somente excitava-se por ela... Mas, ela... Ela estava tão longe... Tão longe... Longe... Longe...



Noite dessas, acordou de madrugada, o corpo suado, o coração descompassado, sua masculinidade se mostrando alerta.
Soube que havia sonhado amor com ela... Com ela...
O castigo maior é que não se lembrava de nada, o sonho havia se partido em mil pedaços com a consciência instalada.
Bateu inveja em seu peito – sua inconsciência a trazia dentro de uma fantasia dourada e mágica.
Virou-se na cama, fechou os olhos, dormiu novamente, correndo atrás de um sonho que ia na frente, buscava ela... Ela...
N’outro dia acordou cedo, na boca o gosto demorado de um beijo apaixonado, o cheiro dela perfumando cada poro de seu corpo, sua pele ainda gozava o vicio de tocar o corpo dela... Não se lembrava de nada, mas tudo em seu corpo sabia e lhe dizia: Fizeram amor pela noite toda!!!

11 comentários:

Priscila Rôde disse...

Adoro tua intensidade!


:)

Cris França disse...

Ola Gil,

minha avó já dizia que sempre sonha um dia realiza.

beijos

Fatima disse...

Ah Gilbertomeuzinho,
vc me fez chorar, só não pede pra te explicar tá bom.
Bjs.

Maria das Graças disse...

Que bom a inspiração voltou de forma apaixonada.
Que seus sonhos se realizem é o que lhe desejo de coração.

Um grande abraço.

Graça.

lis disse...

Gilberto
Se demoro voltar por aqui,penso o que faz o Gilberto? e ao chegar é sempre esse amor intenso e maravilhoso,fazendo inveja a quem nem sonhando mais está rsrs
Lindo, sensual e muito romântico.
saudades, abraços

Miranda disse...

Nossa isso de amar e estar longe é tao comum. Adorei aqui viu, irei mais vezes. A sensualidade e intensidade(como já dito) inebriam o leitor. Parabens ;]

Valéria disse...

Gostei da simplicidade e da fluidez melódica da seqüêcia de idéias.

BeijooO'

Chris disse...

Olá!Gil,
Como sempre seus poemas encantam os olhos e acalmam a alma.
Estou de volta espero sua visita em meu cantinho particular,Segredo dos olhos (olhos esmeralda).

Um forte abraço

Joana Francesa disse...

Tão intenso... saber de visgo, atiça... senti em mim todo prazer dessa noite... como dias idos vividos, esquecidos na lembrança, trazidos por suas palavras..
saudades amigo!

Glorinha L de Lion disse...

Então é por isso que andas sumido...andas a sonhar acordado e dormindo...com ela!
Sentimos falta de vc meu poeta querido e amigo tão fiel!
Vc é o amigo que sabe definir como poucos o que vai na alma de uma mulher...já já encontrará a sua...a que te mereça!
grande beijo!

Joana Francesa disse...

Hummm.. deliciosamente você traduz um desejo suspenso, o instante entre os segundos... bendita mulher.. dona de tantos delírios, nem precisa estar presente, para estar!!!...