segunda-feira, 10 de setembro de 2012

COMO SEI QUE TE AMO...


Sei que te amo Drúcila,
toda a vez que cheiro a mais bela flor de um jardim,
e nela sinto seu aroma delicioso.
Sei que te amo
todas as manhãs quando acordo
e meu primeiro pensamento te busca onde estás.
Sei que te amo
Porque todos os dias ao adormecer
antes de a inconsciência me abençoar com o sono
meu último suspiro semeia teu nome na noite.
Sei que te amo,
Agora...
Nesta lágrima que me corre a face,
desgarrada do meu coração,
Revelando-me o amor que sinto por voce!
Sei que te amo,
Porque te sinto saudades,
mas tantas saudades,
que as sinto antes mesmo de te dizer adeus,
antes mesmo que tu partas
que eu parta...
antes que a distância se erga entre nós,
muro a separar os amantes.
Ah!!! Sinto saudades de voce
antes mesmo de pensar que vou partir...
Sei que te amo no meu olhar apaixonado!
Sei que te amo no meu olhar de poesia sobre voce!
Sei que te amo no meu olhar de amizade!
Sei que te amo no meu olhar excitado!
Meu amor, sei que te amo!
E eu te amo não é apenas retórica,
É a verdade que corre em minhas veias.
Porque o sangue me faz sobreviver,
Mas o amor é que me dá a vida,
E vida eu quero somente para te amar!

2 comentários:

Urbano Gonçalo disse...

Oi Beto!
È bom "saber"
que se ama alguém., muito bom mesmo, e quando esse alguém nos ama ...
Abraço, bom fim de semana.

Brown James disse...

Giants Jerseys
Redskins Jerseys