sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Pequenos jardins, pequenos textos

...E, subitamente, meu jardim se encheu de flores, de uma forma mágica, sem maiores explicações, como se elas sempre estivessem estado ali, apenas sufocadas pela esterilidade dos dias tenebrosos e da ausência do delicado e lírico perfume do amor.

Aspirei a essência das minhas flores e tudo em mim se encheu de novos sonhos, novas possibilidades, novos desejos.


Estou vivo, sou EU novamente!

3 comentários:

ROSANA VENTURA disse...

...Amigo que saudades!
Como é bom sermos "nós" novamente!!!
Bem VIndo então!
E viva todas as possibilidades!
bjosss

URBAN.GO disse...

Viva a vida, não é Gil?!!
Viva a força, as ideias, o ... amor.
Abraço.

Socorro Carvalho disse...

Gil, que lindo seu blog.
Estou linkando vc ao meu blog viu. E tbm me tornando seguidora do seu blog...
Pass lá em minhas inspirações e torne-se mewu seguidor tbm...
www.minhasinspiracoes.blogspot.com
Abraços